sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Advogados 1951

REVISTA DA ORDEM DE ADVOGADOS

O DR. ANTONIO DE PINHO que eu recordo e que tanto me ensinou de Direito (de Direito e doutras coisas) é já o da segunda metade da sua vida, pois quando eu comecei a advogar, ele Já tinha 66 anos. Havia, então, cá, quatro Advogados: o DR. PINHO, o Dr. Hernâni Ferreira de Miranda, o Dr. Silvino Gonçalves de Sousa (estes dois eram Advogados e Notários) e o Dr. Armando de Albuquerque Miranda, que usava o nome de Armando de Albuquerque. [Mais o Dr. Alfredo de Sousa e Melo e o Dr. Manuel Homem Ferreira que começou a advogar quase quando eu!] Eu comecei a advogar em 1950, mas já cá estava desde 1944, ano em que morreu meu pai e em que eu tive de me fixar em Albergaria-a-Velha. Até 44, eu andava a monte... por Lisboa, pelo Porto, por onde calhava...

Vasco Lemos Mourisca, Arauto de Osseloa, 01/04/1983http://novos-arruamentos.blogspot.pt/2014/01/albergaria-e-o-seu-concelho.html


O Dr. Hernâni Miranda faleceu em 1944 (cf. livro "Gente Ilustre em Albergaria-a-Velha")


RELAÇÃO DOS ADVOGADOS INSCRITOS NA ORDEM EM 31 DE DEZEMBRO DE 1951

ALBERGARIA-A-VELHA

- Dr. Alfredo de Sousa e Melo.
- Dr. António Fortunato de Pinho.
- Dr. Armando de Albuquerque Miranda.
- Dr. Manuel Homem de Albuquerque Ferreira.
- Dr. Silvino Gonçalves de Sousa.
- Dr. Vasco de Lemos Mourisca.

Sem comentários: